quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Não me venham com merdas... mae é mae.

Aqui está um tema que tenho vindo a pensar muito nestes tempos. ser mãe fez me mudar de opinião em vários assuntos e em vários temas e a separação de casais com filhos e a diferença de papéis é um deles. Não que me queira separar nada disso.
Sempre fui das treinadoras de bancada que disse que mãe e pai tem os mesmos direitos, sempre achei que não devia de haver diferença, em caso de separação tanto tinha direito um como outro. Ora bem. Primeiro ponto. Mae é mae, pai é pai, não me venham com tretas não é igual!! Eles não sentem o mesmo que nos não me venham com merdas a nossa vIda assim que sabemos que estamos grávidas muda, assim que nasce vivemos para eles. Saem da nossa barriga, alimentam se de nós, querem o nosso colo e o nosso cheiro. Não temos opção. A nossa cabeça muda. Os homens podem se borrifar e sair porta fora a hora que quiserem, não tem que se preocupar com a alimentação, não sentem culpas se tiverem que sair 2 horas só para desanuviar, há homens que o click vem muito mais tarde " coitados, são Homens" . Pois tudo muito certo. Mas na hora da separação não venham exigir igualdade, porque nunca foi e nunca será. Óbvio que há excepções, óbvio que ha maes da treta e pais super fantásticos. Mas não me venham com Merdas mãe é mae. 

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

O tempo voa! É o sentimento que me invade todos os dias. Olho para a minha filha e já cresceu imenso, está linda de morrer e ri se a toda a hora. Há coisa que enche mais o coração de uma mãe que o sorriso da sua filha? 
Tem sido a melhor experiência da minha vida. Nunca pensei gostar tanto de ser mãe. 
Mas há aqui outro pormenor. Não sou só mae. Sou a M. De sempre. Sou mulher, sou dona de casa, sou amiga, sou tudo e isso sim é uma aventura total. Enquanto ela dorme a sesta da manhã tomo
Banho, vou fazendo o almoço aos bocados quando vejo que ela se aguenta 10 min sem a minha atenção. Depois tento combinar coisas com a familia ou os amigos, graças a Deus ela é uma miúda calminha e alinha em tudo o que mae quer fazer, ou dorme ou fica sossegada a observar o mundo que ela adora. Já lá vão 2 meses e parece que foi ontem. Não podia estar mais feliz. 

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Há um minuto que separa o deitar no berço  e adormecer profundamente e o despertar para a eternidade. Vida de mãe... 

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Faltam 2 kg para o peso que tinham antes de engravidar. Pensei ir rapidamente para um ginásio assim que nascesse a filhota... até passar os dias a embala lá para adormecer... esqueçam não há melhor ginásio, trabalho pernas ( ando pra trás e para a frente, braços ( são 4,5kg para cima e pra baixo) e abdominais ando de um lado para o outro com o tronco! Vou ficar super fitttt! Ou não... :) 

terça-feira, 12 de setembro de 2017

Há alturas da tua vida que a tua maior missão é por a tua filha no berço sem ela acordar :) 

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

A experiência tem sido incrível! Como é possível amar um ser assim. 
De facto a vida muda ou se muda... tenho alguém dependente de mim... uma  pessoa são uma hora e o pensamento é ela, a preocupação se está bem, se precisa de mim... que cena! 
Quinta faz 4 semanas... porra o tempo voa... quero aproveitar todos os segundos do crescimento Dela. 
 
É a melhor coisa da minha vida. 

domingo, 6 de agosto de 2017

Estás no meu colo e olhas para mim e  quero acreditar que me conheces, sentes o meu cheiro e sabes que sou a tua mae. Quero acreditar que me escolheste é que já me amas como eu te amo! Meu Deus como te amo! Um amor que aumenta cada segundo e que faz o meu coração rebentar e explodir de tão gigante que está. Apetece me sentir o teu cheiro e dar beijos para sempre, engolir te e proteger te dentro de mim para que nada de mal te aconteça. O meu Deus só de pensar que algo de mal te pode acontecer da me um nó na garganta e uma facada no peito. Tens um ar tão frágil... vou te proteger para sempre minha filha...quero te encher de amor todos os dias, todos mesmo... mudaste tudo ... mudaste a minha razão de viver e garanto te que desde o momento que te puseram no meu peito acabada de nascer passei a ser tua... sou toda tua minha filha... sou tua MÃE!